29.10.2020 | Notícias

Pontilhismo – 4º ano

“A Arte está escondida em qualquer lugar. Imensa, abarca mais do que se pode perceber com nitidez. Misteriosa como algo que é da natureza. Inventora de linguagem, traduz o que o corpo, sensível leitor do mundo, torna visível, audível. O território da Arte cabe na mão de qualquer criança, como uma pequena concha vinda do mar, mas dentro dela, guarda a memória dos sons que desvelam muito mais do que os olhos podem ver.” (SEFRAN, 2006)  

Neste espírito de encanto e descobertas, os estudantes do 4º ano tiveram a oportunidade de conhecer o Pontilhismo. 

Viram que o Pontilhismo surgiu na França, em meados da década de 1880, e que se trata de uma técnica de pintura em que o artista faz desenhos e representações, usando pequenos pontos ou manchas, dando ao observador, um efeito óptico diferente da pintura convencional.  

            Com o objetivo de vivenciarem a experiência da percepção estética, por meio da apreciação de obras de arte, entraram em contato com algumas obras de dois importantes artistas dessa modalidade, George Seurat (1859–1891) e Paul Signac (1863–1935) e criaram uma obra de autoria, com tema livre. 

Que momento especial para reconhecimento da importância de diferentes pontos de vista na construção de significações, desenvolvimento da responsabilidade na apresentação e entrega de trabalhos artísticos. 

Os estudantes se encantaram, encantaram, como é possível perceber nas lindas produções e tiveram a oportunidade de valorizar as produções artísticas próprias e de seus pares, compreendendo a importância de formas individuais de expressão e da riqueza da diversidade.