13.03.2020 | Notícias

“Celular na mão e o pensamento na História” Tecnologia na sala de aula

Nossos estudantes passam grande parte do tempo, fora da sala de aula, com os celulares por perto e olhos vidrados nas telas. Por que não os utilizar na sala de aula e aproximá-los dos estudos, garantindo mais significado e entrosamento com o conteúdo?

Ao finalizarmos o conteúdo das Revoluções Inglesas, os estudantes dos oitavos anos foram convidados a identificar as principais ideias estudadas a partir de uma “atividade surpresa”, que aparecia nos celulares, depois da leitura do QR-CODE disponibilizado na lousa digital.

Quando terminaram, os estudantes se depararam com uma Nuvem de Palavras sobre as Revoluções, construída, exclusivamente, a partir da interação deles.

Puderam analisar e dialogar sobre os conceitos apresentados, identificar os erros de forma coletiva, retomar os principais tópicos e finalizar o assunto de uma forma interativa, lúdica e que proporcionou aos estudantes uma reflexão profunda.

Laís Alves Sanchez – Professora de História

 

Leia também